Archive for Abril, 2010

h1

Grandes poetas do nosso tempo

30 de Abril de 2010

Uma das maiores poetas da contemporaneidade, brilhantemente declamada pelo grande Christopher Walken:

h1

Pequeno interlúdio de Abril

25 de Abril de 2010

25 de Abril sempre! (a partir de 2:30)

E o último Baladeiro de Abril, autor do maravilhoso Lenine Giroflé

h1

Momento histórico

24 de Abril de 2010

Hoje tive a oportunidade de ouvir, numa conferência que certamente recordarei toda a vida, o mais importante Shakespeare Scholar contemporâneo. Quem não estiver tão interessado como eu nos limites do ódio de Shylock, pode sempre ver Stephen Greenblatt no Colbert Report aqui.

Dica da Minês e da Filipa.

h1

The rumors of his death were greatly exaggerated

21 de Abril de 2010

1835 – 1910

Vai-se a ver e o homem, às tantas, ainda vive.

h1

Mesmo aqui ao lado

21 de Abril de 2010

e eu não tive oportunidade de passar no LeV. Paciência, fica para o ano. Dizem-me que foi bom, mesmo com as ausências vulcânicas. Fico contente. Para o ano, para o ano.

[Estive para escrever: mesmo aqui à minha beira, mas não quis que se estranhasse o regionalismo].

h1

Apresentação de Tentações, de Pedro Eiras

20 de Abril de 2010

Eu e Pedro Eiras, Fnac de Santa Catarina.

Foto de Pedro Ferreira


Também no blog da Deriva.

h1

Antígona, TNSJ

18 de Abril de 2010

Saí da sala decepcionado. Então, o que achaste da Antígona[personagem]? Não foi brilhante. Disse ‘não foi brilhante’ como quem diz não gostei — eufemismo. Mas, horas passadas, a Antígona cresceu em mim: agora a resposta seria a mesma, mas como quem diz que não foi absolutamente perfeita — e essa ligeira imperfeição é que me agradou. É preciso saber que Antígona não é uma heroína, como Creonte não é um tirano; estando em lados opostos, nenhum dos dois está do lado certo (o que é o lado certo?). Uma Antígona perfeita lutaria com os pulmões na garganta para enterrar o seu irmão. A Antígona que Nuno Carinhas construiu em Maria do Céu Ribeiro encarna uma revolta submissa: a força que a leitura imediata esperaria encontrar é substituída por uma certa inquietação em cada palavra. Esperava força em Antígona, encontrei conflito — desobedecer a uma ordem dos homens para obedecer a uma ordem dos deuses não é exactamente revolução. Ainda bem que a Antígona não foi brilhante; gosto mais dela assim.